Headlines

mualaf

soccer

Culture

» » » EM JOGO DE CINCO GOLS, BAHIA ESTREIA NO BAIANÃO COM TRIUNFO SOBRE A JUAZEIRENSE

Apesar de ter ficado com um homem a mais durante todo o segundo tempo, o Bahia não teve facilidades para vencer a Juazeirense na sua estreia no Baianão 2016. Em Pituaçu, o time de Juazeiro saiu na frente, levou a virada, empatou, mas permitiu o triunfo do Tricolor por 3 a 2.

Destaque da partida, Hernane Brocado parece ter caído de vez nas graças da torcida e marcou dois dos três gols da vitória. Edigar Junio completou. Já pelo Cancão de Fogo marcaram Nino Guerreiro e Ebinho.

Com o resultado, o Esquadrão largou com três pontos na liderança do Grupo 3. Os comandados de Doriva voltam a campo no dia 11 de fevereiro, diante do Flamengo de Guanambi, na Arena Fonte Nova.

O JOGO

Em um rápido contra-ataque, a Juazeirense surpreendeu o Bahia logo aos quatro minutos. Ebinho foi lançado na área, driblou Lomba e foi derrubado pelo goleiro.

O árbitro marcou pênalti e amarelou o camisa 1. Na cobrança, Nino Guerreiro bateu com força para abrir o placar em Pituaçu.

Atrás no placar, o Bahia foi para cima, mas não conseguia converter as jogadas criadas em gols. O Tricolor só balançou as redes em mais uma penalidade na partida.

Aos 37, Danilo Pires foi atropelado na área pelo adversário e o árbitro marcou o pênalti. Na cobrança, Hernane deslocou o goleiro para empatar. No lance, o zagueiro Braz ainda foi expulso e deixou o Cancão de Fogo com um homem a menos para o segundo tempo.

Com um homem a mais, Doriva colocou sua equipe para frente ao tirar o volante Paulo Roberto e colocar o meia Rômulo.  Aos três minutos, o Esqiadrão virou a partida.

Juninho cobrou escanteio, Edigar Junio subiu e cabeceou na trave. No rebote, o próprio atacante mandou para as redes.

Mas, a Juazeirense não se entregou e foi buscar o empate em mais um contra-ataque. O goleiro Tigre lançou a bola do campo de defesa, Ebinho ganhou da zaga tricolor na corrida, dominou, invadiu a área e chutou forte para estufar as redes de Lomba.

Porém, aos 30, após uma bonita troca de passes, Luisinho deixou Hernane livre na área para fazer o terceiro do Tricolor e seu segundo na partida dando números finais ao confronto.

Juazeirense 2 x 3 Bahia
Baianão 2016 - Série A - 1ª rodada

Local: Pituaçu, em Salvador (BA)
Data/Horário: 31/01/2016, às 16h
Arbitragem: Diego Pombo Lopez e os assistentes Adailton José Jesus da Silva e Marcos Welb Rocha de Amorim
Cartões amarelos: Tigre, Emerson, Braz, Fernandinhi, Nino (JUA); Lomba, Luisinho, Zé Roberto (BAH)
Cartões vermelhos: Braz (JUA)
Gols: Nino Guerreiro, Ebinho (JUA); Hernane-2, Edigar Junio (BAH)

Juazeirense
Tigre, Alex, Emerson, Braz e Fernandinho; Capone, Naldo, Manteiga (Rodrigo) e Ebinho; Willian Carioca (Elvis) e Nino Guerreiro (Sassá). Técnico: Sérgio Araújo. 

Bahia
Marcelo Lomba, Hayner, Robson, Gustavo e João Paulo (Mário); Paulo Roberto (Rômulo), Danilo Pires e Juninho; Luisinho, Edigar Junio e Hernane (Zé Roberto). Técnico: Doriva.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia  Via / Galaticos  Online

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply